USP 2019: A sensibilidade dolorosa dentinária ou hiperestesia dentinária é mais bem explicada pela teoria

USP 2019: A sensibilidade dolorosa dentinária ou hiperestesia dentinária é mais bem explicada pela teoria

(A) de que as fibras finas dos túbulos dentinários são diretamente atingidas pelos estímulos.
(B) hidrodinâmica, que se baseia na presença de fluido dentinário nos canalículos.
(C) de que os odontoblastos funcionam como receptores sensitivos.
(D) do óxido nítrico como neurotransmissor nos canalículos.
(E) de que a polpa dentária é muito inervada.

QUESTÃO ANTERIOR:
USP 2019: Segundo a classificação da FDA (Food and Drug Administration), sobre os riscos de medicamentos usados durante a gravidez, os medicamentos da categoria C são aqueles em que “estudos demonstraram risco fetal em animais e sobre os quais não há estudos em humanos”. Um dos medicamentos deste grupo é

RESPOSTA:
(B) hidrodinâmica, que se baseia na presença de fluido dentinário nos canalículos.

PRÓXIMA QUESTÃO:
- USP 2019: A abfração é uma lesão cervical não cariosa que se caracteriza por ser uma lesão decorrente de

Comentários