UECE 2019: A nova geografia econômica que interpreta a geração e a distribuição de riquezas no mundo

UECE 2019: A nova geografia econômica que interpreta a geração e a distribuição de riquezas no mundo contemporâneo enxerga um circuito de relações cada vez mais dinâmico na evolução do conjunto produção/consumo/território. No que diz respeito a essa discussão, é verdadeiro afirmar que

A) os novos sistemas de regulamentação entre território e economia estimulam a concentração e a centralização do capital bancário, industrial e comercial em mercados nacionais.

B) o princípio de fluxo contínuo de produção e trabalho nas empresas e conglomerados produtivos contemporâneos criou um arranjo territorial marcado pela rigidez e pelo alcance curto dos sistemas de circulação.

C) as motivações de uso dos sistemas de produção e do consumo se casam com circuitos de mercadorias produzidas em massa, com fabricação estandardizada.

D) a distribuição geográfica das empresas‑rede, de configuração reticular, coloca‑se como uma representação da aplicabilidade das novas tecnologias às mudanças na organização produtiva e no consumo.

QUESTÃO ANTERIOR:
UECE 2019: Leia atentamente o seguinte texto

GABARITO:
D) a distribuição geográfica das empresas‑rede, de configuração reticular, coloca‑se como uma representação da aplicabilidade das novas tecnologias às mudanças na organização produtiva e no consumo.

PRÓXIMA QUESTÃO:
- UECE 2019: No grande setor agropecuário, alimentar e energético do Brasil, podem ser identificados diversos ramos e produtos específicos, cada um apresentando sua configuração regional e conformando seu próprio circuito espacial produtivo.
UECE 2019: A nova geografia econômica que interpreta a geração e a distribuição de riquezas no mundo UECE 2019: A nova geografia econômica que interpreta a geração e a distribuição de riquezas no mundo Reviewed by Redação on dezembro 08, 2018 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.