O VALOR DE UM SORRISO

O VALOR DE UM SORRISO

Nada custa, mas cria muito.

Enriquece os recebedores, sem empobrecer os doadores.

Dura apenas um segundo, mas, muitas vezes, a memória o guarda para sempre.

Ninguém é tão rico que possa ir adiante sem ele, e ninguém é tão pobre que não fique mais rico com seus benefícios.

Traz a felicidade ao lar, alimenta a boa vontade nos negócios e é a senha dos amigos.

É repouso para o fatigado, incentivo para o desanimado, alegria para o triste, e o melhor antídoto da Natureza para o mau humor.

Não pode ser comprado, mendigado, emprestado ou roubado, pois é alguma coisa que não é artigo de valor para ninguém senão quando dado naturalmente.

Se no último minuto da correria de um dia de trabalho algum dos nossos colaboradores estiver tão cansado que não lhe dê um sorriso, podemos nós pedir-lhe para deixar-nos um dos seus?

Pois ninguém necessita mais de um sorriso do que os que nada têm para dar!

SORRIA!

Adaptado. Como fazer amigos e influenciar pessoas / Carnegie, Dale.
p. 106. Tradução de Fernando Tude de Souza. 52. ed.
São Paulo: Companhia Editora Nacional, 2012.

Citado na obra de Dale Carnegie, "Como fazer amigos e influenciar pessoas", esse texto (aqui adaptado) refere-se a uma ação realizada por uma loja da cidade de Nova York durante o período de Natal.
O VALOR DE UM SORRISO O VALOR DE UM SORRISO Reviewed by Redação on janeiro 11, 2019 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.