OAB 2019: Mas a justiça não é a perfeição dos homens?

OAB 2019: Mas a justiça não é a perfeição dos homens?
PLATÃO, A República. Lisboa: Calouste Gulbenkian, 1993.

O conceito de justiça é o mais importante da Filosofia do Direito. Há uma antiga concepção segundo a qual justiça é dar a cada um o que lhe é devido. No entanto, Platão, em seu livro A República, faz uma crítica a tal concepção.

Assinale a opção que, conforme o livro citado, melhor explica a razão pela qual Platão realiza essa crítica.

A) Platão defende que justiça é apenas uma maneira de proteger o que é mais conveniente para o mais forte.

B) A justiça não deve ser considerada algo que seja entendido como virtude e sabedoria, mas uma decorrência da obediência à lei.

C) Essa ideia implicaria fazer bem ao amigo e mal ao inimigo, mas fazer o mal não produz perfeição, e a justiça é uma virtude que produz a perfeição humana.

D) Esse é um conceito decorrente exclusivamente da ideia de troca entre particulares, e, para Platão, o conceito de justiça diz respeito à convivência na cidade.

QUESTÃO ANTERIOR:
OAB 2019: Os sócios de certa sociedade de advogados divergiram intensamente quanto à solução de questões relativas a conduta disciplinar, relação com clientes e honorários.

GABARITO:
C) Essa ideia implicaria fazer bem ao amigo e mal ao inimigo, mas fazer o mal não produz perfeição, e a justiça é uma virtude que produz a perfeição humana.

PRÓXIMA QUESTÃO:
- OAB 2019: Costuma-se dizer que o ordenamento jurídico

QUESTÃO DISPONÍVEL EM:
Prova OAB 2019 XXIX com Gabarito

PESQUISAR OUTRA QUESTÃO

Comentários