USP 2019: Em relação ao tratamento fisioterapêutico da incontinência urinária em idosos, é correto afirmar que

USP 2019: Em relação ao tratamento fisioterapêutico da incontinência urinária em idosos, é correto afirmar que

(A) a terapia comportamental não apresenta bons resultados nos casos de IU de urgência por hiperatividade detrusora.

(B) a estimulação elétrica percutânea do nervo tibial em baixa frequência reduz os sintomas de incontinência urinária de esforço.

(C) o sucesso do tratamento da incontinência urinária de esforço em idosas depende do uso de equipamentos de biofeedback com sondas intravaginais.

(D) a primeira fase do treinamento dos músculos do assoalho pélvico em casos de IU de esforço é o treino de contração rápida associada a situações de esforço.

(E) o idoso, para inibir o sintoma de urgência, deve ser orientado a ficar parado e realizar contrações rápidas e repetidas dos músculos do assoalho pélvico.

QUESTÃO ANTERIOR:
USP 2019: São sintomas miccionais frequentes em idosos e associados à fase de armazenamento da bexiga urinária

RESPOSTA:
(E) o idoso, para inibir o sintoma de urgência, deve ser orientado a ficar parado e realizar contrações rápidas e repetidas dos músculos do assoalho pélvico.

PRÓXIMA QUESTÃO:
- USP 2019: Em relação à locomoção humana, leia com atenção as afirmações
USP 2019: Em relação ao tratamento fisioterapêutico da incontinência urinária em idosos, é correto afirmar que USP 2019: Em relação ao tratamento fisioterapêutico da incontinência urinária em idosos, é correto afirmar que Reviewed by Redação on novembro 01, 2018 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.