(Enade 2018) O projeto de formação profissional na contemporaneidade exige a radical conciliação do projeto formativo com a história

>
(Enade 2018) O projeto de formação profissional na contemporaneidade exige a radical conciliação do projeto formativo com a história. Mais ainda, exige uma qualidade de formação que, sendo crítica e atenta ao nosso tempo, seja capaz de antecipar problemáticas concernentes à prática profissional e de fomentar a formulação de propostas profissionais que vislumbrem alternativas de políticas calcadas no protagonismo dos sujeitos sociais, porque atenta à vida presente e a seus desdobramentos.
IAMAMOTO, M. V. O serviço social na contemporaneidade: trabalho
e formação profissional. 3. ed. São Paulo: Cortez, 2000 (adaptado).

Considerando as informações apresentadas, avalie as afirmações a seguir.

I. A conciliação entre o projeto de formação profissional e a história pressupõe a necessidade de se conhecerem os processos de transformação da sociedade brasileira e da própria profissão ao longo do tempo.

II. Um projeto de formação profissional crítico e generalista deve proporcionar a realização de formação continuada em consonância com as lutas e demandas da classe trabalhadora.

III. A aposta nas lutas sociais está relacionada às estratégias e ações a serem tomadas por profissionais de Serviço Social para atuação junto às organizações da classe trabalhadora.

É correto o que se afirma em

A) I, apenas.
B) II, apenas.
C) I e III, apenas.
D) II e III, apenas.
E) I, II e III.

QUESTÃO ANTERIOR:
(Enade 2018) A lei que regulamenta a profissão de assistentes sociais explicita como uma de suas competências profissionais a de “prestar assessoria e apoio aos movimentos sociais em matéria relacionada às políticas sociais, no exercício e na defesa dos direitos civis, políticos e sociais da coletividade” (Lei n° 8.662/93).

GABARITO:
E) I, II e III.

PRÓXIMA QUESTÃO:
- (Enade 2018) A Convenção Internacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência, oficializada no Brasil pelo Decreto n° 6.949/2009, prevê que pessoas com deficiência são aquelas com impedimentos de longo prazo de natureza física, mental, intelectual ou sensorial que, em interação com diversas barreiras, podem sofrer restrição de participação na sociedade em igualdade de condição com as demais pessoas.

PESQUISAR OUTRA QUESTÃO

Comentários