(Unichristus 2020) O sentido revolucionário da poesia de Carlos Drummond de Andrade não é aquele que leva a arte a penetrar nas massas

A FLOR E A NÁUSEA
(fragmento)

(...)
Uma flor nasceu na rua!
Vomitar esse tédio sobre a cidade.
Quarenta anos e nenhum problema
resolvido, sequer colocado.
Nenhuma carta escrita nem recebida.
Todos os homens voltam para casa.
Estão menos livres, mas levam jornais
E soletram o mundo, sabendo que o perdem.

Crimes da terra, como perdoá-los?
Tomei parte em muitos, outros escondi.
Alguns achei belos, foram publicados.

Crimes suaves, que ajudam a viver.
Ração diária de erro, distribuída em casa.
Os ferozes padeiros do mal.
Os ferozes leiteiros do mal.

Pôr fogo em tudo, inclusive em mim.
Ao menino de 1918 chamavam anarquista.
Porém meu ódio é o melhor de mim.
Com ele me salvo
e dou a poucos uma esperança mínima.

Passem de longe, bondes, ônibus, rio de aço do tráfego.
Uma flor ainda desbotada
ilude a polícia, rompe o asfalto.
Façam completo silêncio, paralisem os negócios,
garanto que uma flor nasceu.
Sua cor não se percebe.
Suas pétalas não se abrem.
Seu nome não está nos livros.
É feia. Mas é realmente uma flor.

Sento-me no chão da capital do país às cinco horas da tarde
e lentamente passo a mão nessa forma insegura.
Do lado das montanhas, nuvens maciças avolumam-se.
Pequenos pontos brancos movem-se no mar, galinhas em pânico.
É feia. Mas é uma flor. Furou o asfalto, o tédio, o nojo e o ódio.
A Rosa do Povo, Carlos Drummond de Andrade.

(Unichristus 2020) O sentido revolucionário da poesia de Carlos Drummond de Andrade não é aquele que leva a arte a penetrar nas massas, a exaltá-las, a ajudá-las a ter consciência das próprias misérias e necessidades, mas

A) aquele que transfigura o sentimento de inconformismo e revolta para que possa comover as chamadas elites intelectuais.

B) uma inspiração revolucionária, contendo, por isso, uma substância elitista ao lado de uma forma fácil e sempre disposta a concessões.

C) uma postura revolucionária, contendo, por isso, uma substância popular ao lado de uma forma fácil e sempre disposta a concessões.

D) uma postura que transfigure o sentimento de conformismo e aceitação para que possa comover as chamadas elites políticas internacionais.

E) aqueleque busque na postura mística e transcendente uma reflexão existencial para resolver os problemas sociais.

QUESTÃO ANTERIOR:
(Unichristus 2020) O Barroco é um movimento extremamente complexo, pois reflete a instabilidade do mundo pós-renascentista, em que o homem, arremessado do auge das conquistas expansionistas ultramarinas, de avanços tecnológicos e científicos, tem agora de ajustar sua cosmovisão aos desígnios dos novos tempos.

GABARITO:
A) aquele que transfigura o sentimento de inconformismo e revolta para que possa comover as chamadas elites intelectuais.

PRÓXIMA QUESTÃO:
- (Unichristus 2020) Considerado o mais radical dos poetas concretistas, Augusto de Campos jamais se distanciou dos pressupostos do Concretismo. Seus poemas são

QUESTÃO DISPONÍVEL EM:
Prova Unichristus 2020.2 (Medicina) com Gabarito

PESQUISAR OUTRA QUESTÃO

Comentários