No cuidado de pacientes pediátricos, os erros mais frequentes na assistência hospitalar estão relacionados ao processo

USP 2023 - QUESTÃO 36
No cuidado de pacientes pediátricos, os erros mais frequentes na assistência hospitalar estão relacionados ao processo de medicação. Considerando a gravidade da ocorrência de erros com potencial de causar danos, e as especificidades do processo de medicação em pediatria em relação à clínica de pacientes adultos, pode-se afirmar corretamente: 

(A) Os erros de medicação em crianças podem ser evitados facilmente pela seleção de medicamentos em apresentações pediátricas e fracionáveis, os quais atualmente são amplamente disponíveis na maior parte dos países. 

(B) O cálculo da dose com base no peso corpóreo da criança é o método mais seguro e indicado para todas as faixas etárias e condições em pediatria. 

(C) Atualmente, a maior parte dos medicamentos disponíveis no mercado brasileiro possuem estudos específicos na população pediátrica, o que aumenta a segurança na sua utilização. 

(D) A grande diferença de peso entre os pacientes internados em unidades pediátricas implica risco de erro. Isto ocorre porque, ao lidarem em sua rotina com doses muito diferentes, os profissionais não percebem facilmente uma dose errada.

(E) Para a avaliação farmacêutica das prescrições de medicamentos para crianças, as informações antropométricas são desnecessárias quando se utilizam doses em mililitros.

QUESTÃO ANTERIOR:

GABARITO:
(D) A grande diferença de peso entre os pacientes internados em unidades pediátricas implica risco de erro. Isto ocorre porque, ao lidarem em sua rotina com doses muito diferentes, os profissionais não percebem facilmente uma dose errada.

RESOLUÇÃO:
Não temos resolução para essa questão! Você sabe explicar? Copie o link dessa página e envie sua resolução clicando AQUI!

PRÓXIMA QUESTÃO:
 
QUESTÃO DISPONÍVEL EM:

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.