FMJ 2024: A monarquia arcaica foi dominada por uma nobreza no período mais antigo de sua existência, ao final do século VI a.C.

FMJ 2024: A monarquia arcaica foi dominada por uma nobreza no período mais antigo de sua existência, ao final do século VI a.C. [...]. Mas, daí em diante, ao contrário das cidades gregas, Roma jamais conheceu a transformação social de um governo despótico, que quebrasse a dominação aristocrática e conduzisse a uma subsequente democratização da cidade, baseada em uma firme agricultura média ou pequena.

Em vez disso, a nobreza hereditária manteve seu poder sólido baseado em uma constituição cívica extremamente complexa, que passou por importantes modificações populares no decorrer de uma prolongada luta social violenta dentro da cidade, mas que nunca foi abolida ou substituída.
(Perry Anderson. Passagens da Antiguidade ao Feudalismo, 1991.)

A partir do excerto, que se refere à passagem da Monarquia à República na Roma Antiga, afirma-se que na República romana houve uma

(A) manutenção das formas políticas monárquicas.

(B) superação do regime político democrático.

(C) preponderância patrícia na política.

(D) ausência de participação plebeia na vida civil.

(E) divisão censitária inclusiva dos poderes políticos.

RESOLUÇÃO:
Não temos resolução para essa questão! Você sabe explicar? Copie o link dessa página e envie sua resolução clicando AQUI!

GABARITO:
(C) preponderância patrícia na política.

PRÓXIMA QUESTÃO:

QUESTÃO DISPONÍVEL EM:

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.