(PUC-SP 2019) Os imunologistas James P. Allison, dos Estados Unidos, e Tasuku Honjo, do Japão

(PUC-SP 2019) Os imunologistas James P. Allison, dos Estados Unidos, e Tasuku Honjo, do Japão, foram laureados com o Prêmio Nobel de Medicina de 2018, graças aos seus estudos sobre as proteínas CTLA-4 e PD-1, que bloqueiam a ação de linfócitos T humanos sobre células cancerígenas.

Ao desenvolverem inibidores da ação dessas proteínas, estabeleceram um modo eficiente de combate a certos tumores.

Assim sendo, pode-se concluir que os inibidores desenvolvidos por estes cientistas:

A) Evitam diretamente a migração das células cancerígenas para outras partes do corpo via corrente sanguínea.

B) Facilitam a ação direta do sistema imunológico sobre o crescimento tumoral, já que as células cancerígenas passam a ser eliminadas.

C) Estimulam a formação de coágulos nas imediações do tumor, o que impede seu crescimento e metástase.

D) Dificultam a distribuição de oxigênio e nutrientes, presentes no sangue do paciente, para as células cancerígenas.

QUESTÃO ANTERIOR:
(PUC-SP 2019) Analise atentamente a tira Armandinho, do ilustrador Alexandre Beck.

RESOLUÇÃO:
Os inibidores desenvolvidos facilitam a ação do sistema imunológico sobre o crescimento tumoral.

GABARITO:
B) Facilitam a ação direta do sistema imunológico sobre o crescimento tumoral, já que as células cancerígenas passam a ser eliminadas.

PRÓXIMA QUESTÃO:
- (PUC-SP 2019) O gráfico ao lado mostra a variação na concentração do oxigênio atmosférico ao longo do tempo geológico.

PESQUISAR OUTRA QUESTÃO

Comentários