(Enade 2018) A ideia de falência dos sistemas previdenciários públicos e os ataques às instituições estatais tornaram-se

(Enade 2018) A ideia de falência dos sistemas previdenciários públicos e os ataques às instituições estatais tornaram-se dominantes em meados da década de 1970 e foram reforçadas com a crise econômica dos anos 1980. O principal argumento para modificar a arquitetura dos sistemas estatais de proteção social foi o dos custos crescentes dos sistemas previdenciários, os quais decorreriam, principalmente, de uma dramática trajetória demográfica de envelhecimento da população. A partir de então, um problema que é puramente de origem socioeconômica foi reduzido a um mero problema demográfico, diante do qual não há solução possível, a não ser o corte de direitos, redução do valor dos benefícios e elevação de impostos.
Disponível em: <http://www.adunicentro.org.br>. Acesso em: 31 jul. 2018 (adaptado).

Com base no texto apresentado, avalie as afirmações a seguir, relativas à política previdenciária atual no Brasil.

I. A política previdenciária, de caráter contributivo, é política de proteção social destinada à velhice, ao amparo a situações de doença ou invalidez por acidente de trabalho, à maternidade etc.

II. A "feminização" da velhice revela-se, entre outros aspectos, pela diferença de expectativa de vida entre mulheres e homens, pois as mulheres envelhecidas compõem a maioria das pessoas com idade igual ou superior a 60 anos.

III. A baixa participação de boa parte das mulheres na política previdenciária tem apontado para a necessidade de rever as questões de gênero na previdência social, visto que menos mulheres conseguem aposentar-se, e a maioria delas vive em situações de informalidade do trabalho.

É correto o que se afirma em

A) I, apenas.
B) III, apenas.
C) I e II, apenas.
D) II e III, apenas.
E) I, II e III.

QUESTÃO ANTERIOR:
(Enade 2018) A Convenção Internacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência, oficializada no Brasil pelo Decreto n° 6.949/2009, prevê que pessoas com deficiência são aquelas com impedimentos de longo prazo de natureza física, mental, intelectual ou sensorial que, em interação com diversas barreiras, podem sofrer restrição de participação na sociedade em igualdade de condição com as demais pessoas.

GABARITO:
E) I, II e III.

PRÓXIMA QUESTÃO:
- (Enade 2018) A Constituição Federal de 1988, a Lei Orgânica de Assistência Social (Loas) e o Sistema Único de Assistência Social (Suas) são marcos fundamentais da Assistência Social, porque a reconhecem como política social que compõe o sistema de seguridade no Brasil.
(Enade 2018) A ideia de falência dos sistemas previdenciários públicos e os ataques às instituições estatais tornaram-se (Enade 2018) A ideia de falência dos sistemas previdenciários públicos e os ataques às instituições estatais tornaram-se Reviewed by Redação on fevereiro 09, 2019 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.