As recomendações de Araújo Porto Alegre, então diretor da Academia Imperial de Belas Artes, a Victor Meirelles, no trecho da carta transcrita


enade

ENADE: Não se esqueça de por algumas embaíbas, que são formosas e enfeitam o bosque pelo caráter especial de suas folhas (...). Lembre-se bem das nossas árvores e troncos retos, carregados de plantas diversas, altas e com coqueiros e com palmitos pelo meio, pois estes crescem à sombra dos grandes madeiros. Pouco, mas característico, mas genuinamente brasileiro.
Carta de Araújo Porto Alegre para Victor Meirelles, 4/2/1859.
Apud. COLI, Jorge. Primeira Missa e a invenção da descoberta.
In: NOVAES, Adauto (org). A descoberta do homem e
do mundo. São Paulo: Cia das Letras, 1998, p. 120.

As recomendações de Araújo Porto Alegre, então diretor da Academia Imperial de Belas Artes, a Victor Meirelles, no trecho da carta transcrita, por ocasião da pintura do quadro Primeira missa no Brasil, expressam, no que se refere à identidade nacional brasileira, em meados do século XIX, a preocupação de

(A) associar natureza e barbárie.

(B) caracterizar a paisagem local.

(C) enaltecer as heranças ibéricas.

(D) domesticar o habitante nativo.

(E) destacar a miscigenação do povo.

QUESTÃO ANTERIOR:

GABARITO:
(B) caracterizar a paisagem local.

RESOLUÇÃO:
Não temos resolução para essa questão! Você sabe explicar? Copie o link dessa página e envie sua resolução clicando AQUI!

PRÓXIMA QUESTÃO:

QUESTÃO DISPONÍVEL EM:

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.