MACKENZIE 2023: Crise energética reacendeu indústria do carvão na Alemanha

MACKENZIE 2023: Crise energética reacendeu indústria do carvão na Alemanha
A Alemanha pretende se tornar neutra em carbono até 2045. Em 2020, o país anunciou que pararia de queimar esse vilão do clima, gradualmente desativando suas usinas movidas a carvão até 2028.
(PLADSON, Kristie. Portal DW. Acesso em 27/03/2023.)

Privada do acesso à grande parte dos seus recursos energéticos importados, a Alemanha irá reavaliar sua política energética retomando suas velhas indústrias locais de carvão. Em 2022, o governo decidiu resgatar algumas usinas termelétricas e estender a vida útil de várias outras que seriam fechadas. 

A contradição das informações acima se justifica 

a) pela queda na produção mundial dos combustíveis fósseis, substituindo fontes energéticas poluentes pelas alternativas em grande parte do mundo. 

b) pela crise econômica decorrente da pandemia da Covid-19, desencadeando uma nova forma de se relacionar com a produção energética. 

c) pelo aumento das taxas de crescimento vegetativo alemão, em que – em um futuro próximo – terão que expandir a produção energética, devido ao aumento populacional no país. 

d) pela guerra da Ucrânia que desencadeou uma crise energética na Europa, pela queda na importação do gás natural russo.

e) pelo recente aumento do incentivo à política de natalidade do governo alemão para equilibrar o contingente demográfico do país.

RESOLUÇÃO:
Não temos resolução para essa questão! Você sabe explicar? Copie o link dessa página e envie sua resolução clicando AQUI!

GABARITO:
d) pela guerra da Ucrânia que desencadeou uma crise energética na Europa, pela queda na importação do gás natural russo.

PRÓXIMA QUESTÃO:

QUESTÃO DISPONÍVEL EM:

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.