(SLMandic 2019) Acerca dos elementos que caracterizam o texto como narrativo-descritivo, são feitas as seguintes afirmações

MALEITA

O lazareto era uma sala de chão batido, com duas portas abertas para o mato. Quarenta doentes gemendo. Uns enrolados em esteiras, amarrados de corda, outros sob cobertores. Ar denso, saturado pelas respirações febris. Havia duas espécies de atacados: os que falavam ou gritavam como animais, estorcendo-se no chão. Ou os que permaneciam imóveis, os olhos cerrados, atolados em profunda apatia.

Durante o dia, a palha de buriti que cobria o casebre esquentava e o calor tornava-se horrível. Os doentes pediam água incessantemente e foi necessário abrir uma cacimba do lado de fora pois o rio ficava bem distante.

Depois desse período de minha vida, correram largos anos; mas nunca pude me esquecer daquelas faces, daqueles gestos, daqueles gritos. Como que os vejo sempre que me transporto para o passado e, ainda agora, o mesmo arrepio e o mesmo horror me dilaceram. O sofrimento era espantoso. Dentro daquele pequeno inferno, a dor era tão intensa, as queixas e os lamentos eram tão cruéis, que me obrigavam muitas vezes a refugiar-me junto à cacimba, procurando esquecer perto à calma daquela água, o turbilhão que se revolvia dentro de mim. Uma noite no lazareto era suficiente para envelhecer um homem.
(CARDOSO, Lúcio. Maleita. Rio de Janeiro:
Civilização Brasileira, 2005, p. 159-160 – excerto.)


(SLMandic 2019) Acerca dos elementos que caracterizam o texto como narrativo-descritivo, são feitas as seguintes afirmações:

I - Para caracterizar o espaço, o narrador em primeira pessoa apresenta imagens que configuram um lugar no qual se combinam precariedade e isolamento.

II - A fim de aproximar visualmente o leitor do ambiente em que ocorrem os fatos, o narrador esforça-se em presentificar a cena, de forma realista e dramática, recorrendo ao predomínio dos verbos no presente e a um foco neutro e objetivo.

III - No quarto parágrafo, a expressão “pequeno inferno” retoma e amplifica, com a força da linguagem figurada, outras duas, constituindo uma gradação negativa: “sala de chão batido” e “casebre”.

IV - No penúltimo parágrafo, as imagens da “cacimba” e do “turbilhão”, ambas ligadas à água, figuram o contraste entre a placidez externa e o conflito interior do narrador-protagonista.

É correto APENAS o que se afirma em

A) I, III e IV.
B) II, III e IV.
C) I, II e III.
D) I e II.
E) III e IV.

QUESTÃO ANTERIOR:
(SLMandic 2019) Acerca dos recursos expressivos mobilizados no poema, são feitas as seguintes afirmações

GABARITO:
A) I, III e IV.

PRÓXIMA QUESTÃO:
- (SLMandic 2019) Como forma de garantir a coesão textual, entre outros recursos, a autora utiliza determinados termos e expressões cuja afinidade de sentido permite retomar, complementar ou mesmo depreender o significado de outros vocábulos do texto.

Questão disponível em:
Prova São Leopoldo Mandic (VESTIBULAR - MEDICINA 2019) com Gabarito

PESQUISAR OUTRA QUESTÃO

Comentários