A Organização das Nações Unidas marca 13 de outubro o Dia Internacional para a Redução do Risco de Desastres

Texto para as questões 38 e 39.

Atenção com extremos do clima em
países em desenvolvimento
ONU News

A Organização das Nações Unidas marca 13 de outubro o Dia Internacional para a Redução do Risco de Desastres, desde 1989.

Neste ano, o tema da celebração global é “Cooperação internacional para países em desenvolvimento para reduzir o risco e as perdas por desastres”. Esse tópico é o penúltimo dos sete alvos definidos no Marco de Sendai para Redução de Riscos de Desastres para o período entre 2015 e 2030. A ONU justifica o foco na questão, porque considera 2021 como “um ano determinante para cumprir a agenda política” que foi acordada em 2015.

De acordo com a organização, “sem uma ação real sobre o clima, nos próximos 10 anos os eventos climáticos extremos serão arrasadores, especialmente para os países em desenvolvimento”. A organização destaca o efeito desproporcional de calamidades, quando estas abalam países de rendas baixa e média. Maior destaque vai especialmente para questões como mortalidade, número de feridos, deslocados e desabrigados, além de perdas econômicas refletidas na baixa do Produto Interno Bruto e nos danos causados à infraestrutura essencial.

O investimento para reduzir o risco de calamidades condiciona o sucesso da eliminação da pobreza e da fome. Por isso a ONU incentiva a cooperação internacional em favor de países em desenvolvimento por meio da Ajuda Oficial ao Desenvolvimento e da capacitação para reforçar a recuperação desse tipo de desastre.

Ações nas redes sociais realçam o movimento global para reduzir a exposição de pessoas e comunidades a esses incidentes e aumentam a consciência sobre a importância de conter os riscos com as hashtags #DRRDay e #OnlyTogether. A data é marcada desde 1989, depois de ter sido proclamada pela Assembleia Geral das Nações Unidas “para promover uma cultura global de consciência de risco e redução de desastres”. 
https://www.terra.com.br/noticias, 13/10/2021 (Adaptado)

UNITINS 2022.1 - QUESTÃO 38
A partir do texto e de conhecimentos pessoais prévios é possível afirmar que:

A) Desenvolver políticas públicas de moradia digna, em lugar seguro, ou seja, longe de córregos e de lixões, nas grandes cidades, é uma das formas de se reduzir os danos às pessoas em relação a desastres climáticos. 

B) Ao proclamar o 13 de outubro como Dia Internacional para a Redução do Risco de Desastres, a ONU conseguiu reduzir as queimadas no Brasil, sobretudo nos últimos anos. 

C) No Brasil, diante de catástrofes que ocorrem como consequência de chuvas abundantes, por exemplo, as pessoas desabrigadas são rapidamente recompensadas com novas casas para viver de forma segura. 

D) “A organização destaca o efeito desproporcional de calamidades, quando estas abalam países de rendas baixa e média”, embora os riscos climáticos estejam relacionados apenas às variações do clima. 

E) A ONU convoca as nações para campanha de cooperação internacional, uma vez que as pessoas não têm forças suficientes para articular ações tangíveis em relação a eventos climáticos.

QUESTÃO ANTERIOR:

GABARITO:
A) Desenvolver políticas públicas de moradia digna, em lugar seguro, ou seja, longe de córregos e de lixões, nas grandes cidades, é uma das formas de se reduzir os danos às pessoas em relação a desastres climáticos.

RESOLUÇÃO:
Não temos resolução para essa questão! Você sabe explicar? Copie o link dessa página e envie sua resolução clicando AQUI!

PRÓXIMA QUESTÃO:

QUESTÃO DISPONÍVEL EM:

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.