Prova FAMEMA 2018 com Gabarito e Resolução


Prova FAMEMA 2018 com Gabarito e Resolução
Prova FAMEMA 2018 com Gabarito e Resolução 

PROVA I

POTENCIAIS-PADRÃO DE ELETRODO (REDUÇÃO)

POTENCIAIS-PADRÃO DE ELETRODO (REDUÇÃO)

QUESTÃO 01
FAMEMA 2018: No transcorrer do ciclo hidrológico, a água sofre mudanças de estado físico, dentre elas:

1. passagem do estado líquido para o estado gasoso;
2. passagem do estado sólido para o estado líquido.

a) Escreva o nome de cada uma dessas mudanças de estado nos espaços indicados no campo de Resolução e Resposta.

b) Escreva a fórmula eletrônica da água considerando sua geometria molecular. Cite o número total de elétrons presente na molécula dessa substância.


QUESTÃO 02
FAMEMA 2018: Considere a fórmula estrutural e as informações sobre o ácido tartárico.

solubilidade em água a 20 ºc

a) A adição de 100 g de ácido tartárico em 100 mL de água a 20 ºC resultará em solução saturada ou insaturada? Justifique sua resposta.

b) Sabendo que a molécula do ácido tartárico apresenta dois átomos de hidrogênio ionizáveis, escreva a equação que representa a neutralização completa do ácido tartárico com KOH. Calcule o volume, em mililitros, de solução aquosa 0,5 mol/L de KOH necessário para neutralizar completamente 3,0 g de ácido tartárico.


QUESTÃO 03
FAMEMA 2018: Considere a seguinte reação:

Cu (s) + 2Fe³⁺ (aq) → Cu²⁺ (aq) + 2Fe²⁺ (aq)

a) Escreva as semirreações de oxidação (perda de elétrons) e de redução (ganho de elétrons) correspondentes a essa reação.

b) Calcule a diferença de potencial-padrão (∆E⁰) correspondente a essa reação (utilize a tabela de potenciais de eletrodo para esse cálculo). Classifique essa razão como espontânea ou não-espontânea.


QUESTÃO 04
FAMEMA 2018: Analise as informações nutricionais presentes em uma embalagem de farinha de trigo.

Informação Nutricional

a) O principal carboidrato presente na farinha de trigo é um polímero natural. Seu consumo por diabéticos deve ser muito bem controlado, uma vez que sua hidrólise no organismo humano gera um produto cujo metabolismo depende de insulina, hormônio de produção deficiente nos diabéticos.

Qual é esse polímero natural? Qual é o produto resultante da hidrólise desse polímero no organismo humano?

b) Calcule a massa de ferro, em gramas, presente em um pacote de 1,0 kg dessa farinha de trigo. Sabendo que a constante de Avogadro é 6,0 x 10²³ mol⁻¹, calcule o número de átomos desse elemento existente nesse pacote.


QUESTÃO 05
FAMEMA 2018: O cariograma a seguir foi obtido a partir do linfócito de um indivíduo cromossomicamente normal, cuja mitose foi bloqueada utilizando-se a colchicina.

Maria Regina Borges-Osório e Wanyce Miriam Robinson. Genética humana, 2013
(Maria Regina Borges-Osório e Wanyce Miriam Robinson. Genética humana, 2013. Adaptado.)

a) Qual o sexo biológico do indivíduo representado no cariograma? Quantos cromossomos foram herdados de cada um dos pais desse indivíduo?

b) Cada cromossomo é formado por uma molécula de DNA e não são idênticos. Em termos moleculares, o que faz os cromossomos serem diferentes entre si? De que forma a colchicina bloqueia uma mitose?


QUESTÃO 06
FAMEMA 2018: A abóbora, bem como outras plantas do gênero Cucurbita, poderia ter tido sua população reduzida com a extinção de mamíferos das Américas.

Pesquisadores da Universidade da Pensilvânia, nos EUA, sugerem que as abóboras selvagens, por serem muito amargas, eram dispersadas principalmente por grandes mamíferos como os mastodontes e as preguiças gigantes, menos sensíveis ao amargor.

Com a extinção desses grandes mamíferos, a população de abóboras poderia ter sido abalada, não fosse a sua domesticação pela espécie humana. Inicialmente utilizada para a produção de recipientes, a abóbora foi lentamente sendo inserida no cardápio dos seres humanos. Após anos de cultivo, hoje as plantas desse gênero apresentam frutos menos amargos e mais adequados ao paladar humano.
(Folha de S.Paulo, 05.12.2015. Adaptado.)

a) A interação ecológica que ocorria entre os mastodontes e as cucurbitáceas seria considerada harmônica ou desarmônica? Como os mastodontes poderiam ter dispersado as sementes das cucurbitáceas?

b) Que nome Darwin atribuiu a esse processo de transformação das espécies por manipulação humana? Explique como o cultivo pelo homem possibilitou a existência de cucurbitáceas com frutos mais palatáveis.


QUESTÃO 07
FAMEMA 2018: O esquema representa o Ciclo de Krebs.

João Batista Aguilar. et al. Biologia, 2009.

a) O Ciclo de Krebs é uma das fases de qual reação celular? Em que organela ocorre esse ciclo?

b) Qual a função dos NAD e FAD, representados no esquema? Qual a relação dessas moléculas com a síntese de ATP?


QUESTÃO 08
FAMEMA 2018: O tecido nervoso é formado por neurônios, que transmitem as informações dos órgãos dos sentidos ao encéfalo, onde são interpretadas. Um neurônio apresenta três regiões básicas: axônio, dendritos e corpo celular.

a) Ordene as três regiões básicas do neurônio na sequência de propagação do impulso nervoso, desde o momento em que o neurônio é estimulado até chegar à sinapse. Cite a estrutura óssea que protege o encéfalo humano.

b) A comunicação entre dois neurônios ocorre quimicamente por meio da sinapse. Que características das regiões pré-sinápticas e pós-sinápticas garantem que a transmissão do impulso nervoso seja unidirecional?



PROVA II

Leia o poema de Olavo Bilac para responder às questões de 01 a 03.

Ao coração que sofre, separado
Do teu, no exílio em que a chorar me vejo,
Não basta o afeto simples e sagrado
Com que das desventuras me protejo.

Não me basta saber que sou amado,
Nem só desejo o teu amor: desejo
Ter nos braços teu corpo delicado,
Ter na boca a doçura de teu beijo.

E as justas ambições que me consomem
Não me envergonham: pois maior baixeza
Não há que a terra pelo céu trocar;

E mais eleva o coração de um homem
Ser de homem sempre e, na maior pureza,
Ficar na terra e humanamente amar.
(Melhores poemas, 2000.)

QUESTÃO 01
FAMEMA 2018: No poema, o eu lírico defende um amor

(A) recatado, que não revele as ambições secretamente cultivadas pelos amantes.

(B) idealizado, que valorize sua pureza sem se macular na comunhão física.

(C) sagrado, em que as aspirações espirituais superem as aspirações corpóreas.

(D) terreno, que se realize não só em sentimento, mas também fisicamente.

(E) contemplativo, que se alimente da imaginação e da distância entre os amantes.


QUESTÃO 02
FAMEMA 2018: A alternativa que reescreve a primeira estrofe em ordem direta, mantendo a correção gramatical e o sentido original, é:

(A) O afeto simples e sagrado, com que me protejo das desventuras, não basta ao coração que sofre, separado do teu, no exílio em que me vejo a chorar.

(B) Eu me protejo das desventuras com o afeto simples e sagrado do coração que sofre, separado do teu, que não basta no exílio em que me vejo a chorar.

(C) O coração que sofre, separado do teu, não basta, no exílio em que me vejo a chorar, ao afeto simples e sagrado com que me protejo das desventuras.

(D) Eu me vejo a chorar no exílio sagrado do coração que sofre, separado do teu, o afeto simples e sagrado, com que me protejo das desventuras, não basta.

(E) O coração que sofre, separado do teu, com que me protejo das desventuras, não basta no exílio em que me vejo a chorar o afeto simples e sagrado.


QUESTÃO 03
FAMEMA 2018: A preocupação formal com a musicalidade dos versos é confirmada pelo emprego da

(A) metáfora em “Não basta o afeto simples e sagrado”.

(B) aliteração em “Ter na boca a doçura de teu beijo”.

(C) prosopopeia em “Com que das desventuras me protejo”.

(D) hipérbole em “Ao coração que sofre, separado / Do teu”.

(E) antítese em “Ficar na terra e humanamente amar”.


Leia o trecho inicial do livro Corações sujos, de Fernando Morais, para responder às questões de 04 a 07.

A voz rouca e arrastada parecia vir de outro mundo. Eram pontualmente nove horas da manhã do dia 1º de janeiro de 1946 quando ela soou nos alto-falantes dos rádios de todo o Japão. A pronúncia das primeiras sílabas foi suficiente para que 100 milhões de pessoas identificassem quem falava.

Era a mesma voz que quatro meses antes se dirigira aos japoneses, pela primeira vez em 5 mil anos de história do país, para anunciar que havia chegado o momento de “suportar o insuportável”: a rendição do Japão às forças aliadas na Segunda Guerra Mundial.

Mas agora o dono da voz, Sua Majestade o imperador Hiroíto, tinha revelações ainda mais espantosas a fazer a seus súditos. Embora ele falasse em keigo − uma forma arcaica do idioma, reservada aos Filhos dos Céus e repleta de expressões chinesas que nem todos compreendiam bem −, todos entenderam o que Hiroíto dizia: ao contrário do que os japoneses acreditavam desde tempos imemoriais, ele não era uma divindade.

O imperador leu uma declaração de poucas linhas, escrita de próprio punho. Aquela era mais uma imposição dos vencedores da guerra. Entre as exigências feitas pelos Aliados para que ele permanecesse no trono, estava a “Declaração da Condição Humana”. Ou seja, a renúncia pública à divindade, que naquele momento Hiroíto cumpria resignado:

“Os laços que nos unem a vós, nossos súditos, não são o resultado da mitologia ou de lendas. Não se baseiam jamais no falso conceito de que o imperador é deus ou qualquer outra divindade viva.”

Petrificados, milhões de japoneses tomaram consciência da verdade que ninguém jamais imaginara ouvir: diferentemente do que lhes fora ensinado nas escolas e nos templos xintoístas, Hiroíto reconhecia que era filho de dois seres humanos, o imperador Taisho e a imperatriz Sadako, e não um descendente de Amaterasu Omikami, a deusa do Sol. Foi como se tivessem jogado sal na ferida que a rendição, ocorrida em agosto do ano anterior, havia aberto na alma dos japoneses.

O temido Exército Imperial do Japão, que em inacreditáveis 2600 anos de guerras jamais sofrera uma única derrota, tinha sido aniquilado pelos Aliados. O novo xogum, o chefe supremo de todos os japoneses, agora era um gaijin, um estrangeiro, o general americano Douglas MacArthur, a quem eram obrigados a se referir, respeitosamente, como Maca-san, o “senhor Mac”. Como se não bastasse tamanho padecimento, o Japão descobria que o imperador Hiroíto era apenas um mortal, como qualquer um dos demais 100 milhões de cidadãos japoneses.
(Corações sujos, 2000.)

QUESTÃO 04
FAMEMA 2018: Segundo o texto,

(A) o anúncio de que o imperador era humano, e não divino, era uma consequência previsível, para os japoneses, da rendição do Japão na Segunda Guerra Mundial, anunciada pouco tempo antes.

(B) o anúncio de que o imperador era humano, e não divino, fez mais intensa a dor provocada, pouco tempo antes, pelo anúncio da rendição do Japão na Segunda Guerra Mundial.

(C) o anúncio da rendição do Japão na Segunda Guerra Mundial aumentou o mal-estar da população japonesa causado pelo anúncio de que o imperador era humano, e não divino.

(D) o anúncio de que o imperador era humano, e não divino, funcionou, para os japoneses, como preparativo para o anúncio da rendição do Japão na Segunda Guerra Mundial.

(E) o anúncio da rendição do Japão na Segunda Guerra Mundial produziu, para a população japonesa, a desconfiança de que pouco depois aconteceria o anúncio de que o imperador era humano, e não divino.


QUESTÃO 05
FAMEMA 2018: A ideia de “suportar o insuportável” (1º parágrafo) está presente também

(A) na revolta da população japonesa ao receber a declaração da condição humana do imperador.

(B) na escolha do dialeto keigo para declarar a condição humana do imperador.

(C) na informação de que a voz do imperador era rouca e arrastada durante sua declaração.

(D) na improvável crença dos japoneses, durante tanto tempo, na condição sobre-humana do imperador.

(E) no modo resignado como o imperador cumpriu a imposição de declarar sua condição humana.


QUESTÃO 06
“Era a mesma voz que quatro meses antes se dirigira aos japoneses, pela primeira vez em 5 mil anos de história do país, para anunciar que havia chegado o momento de ‘suportar o insuportável’” (1º parágrafo)

FAMEMA 2018: O verbo destacado foi utilizado no pretérito mais-que-perfeito a fim de indicar

(A) um fato no passado, anterior a outro fato, também no passado.

(B) uma dúvida do enunciador sobre a veracidade do fato no passado.

(C) um fato que ocorreu reiteradamente, no passado.

(D) uma ação cujos efeitos se estendem do passado ao presente.

(E) uma verdade universalmente aceita, no passado.


QUESTÃO 07
“O temido Exército Imperial do Japão, que em inacreditáveis 2600 anos de guerras jamais sofrera uma única derrota, tinha sido aniquilado pelos Aliados.” (3º parágrafo)

FAMEMA 2018: A oração destacada é uma oração subordinada

(A) adverbial comparativa.
(B) adjetiva restritiva.
(C) adjetiva explicativa.
(D) adverbial temporal.
(E) substantiva objetiva direta.


Leia o texto de Yuval Noah Harari para responder às questões de 08 a 10.

Em 2010, cientistas realizaram um experimento especialmente tocante com ratos. Eles trancaram um rato numa gaiola minúscula, colocaram-na dentro de um compartimento maior e deixaram que outro rato vagasse livremente por esse compartimento. O rato engaiolado demonstrou sinais de estresse, o que fez com que o rato solto também demonstrasse sinais de ansiedade e estresse.

Na maioria dos casos, o rato solto tentava ajudar seu companheiro aprisionado e, depois de várias tentativas, conseguia abrir a gaiola e libertar o prisioneiro. Os pesquisadores repetiram o experimento, dessa vez pondo um chocolate no compartimento. O rato livre tinha de escolher entre libertar o prisioneiro e ficar com o chocolate só para ele. Muitos ratos preferiram primeiro soltar o companheiro e dividir o chocolate (embora uns poucos tenham mostrado mais egoísmo, provando com isso que alguns ratos são mais maldosos que outros).

Os céticos descartaram essas conclusões, alegando que o rato livre liberta o prisioneiro não por ser movido por empatia, mas simplesmente para parar com os incomodativos sinais de estresse apresentados pelo companheiro. Os ratos seriam motivados pelas sensações desagradáveis que sentem e não buscam nada além de exterminá-las. Pode ser. Mas poderíamos dizer o mesmo sobre nós, humanos. Quando dou dinheiro a um mendigo, estou reagindo às sensações desagradáveis que sua visão provoca em mim? Realmente me importo com ele, ou só quero me sentir melhor?

Na essência, nós humanos não somos diferentes de ratos, golfinhos ou chimpanzés. Como eles, tampouco temos alma. Como nós, eles também têm consciência e um complexo mundo de sensações e emoções. É claro que todo animal tem traços e talentos exclusivos. Os humanos têm suas aptidões especiais. Não deveríamos humanizar os animais desnecessariamente, imaginando que são apenas uma versão mais peluda de nós mesmos. Isso não só configura uma ciência ruim, como igualmente nos impede de compreender e valorizar outros animais em seus próprios termos.
(Homo Deus, 2016.)

QUESTÃO 08
FAMEMA 2018: Segundo os céticos, os ratos

(A) respondem aleatoriamente aos estímulos externos, não havendo correspondência entre seu comportamento e o comportamento humano nas mesmas situações.

(B) optam por um comportamento que evite problemas sociais em eventuais relações futuras com outros indivíduos.

(C) fazem suas escolhas motivados pelo interesse coletivo, ainda que escolhas egoístas pudessem beneficiá-los individualmente.

(D) agem por motivações egoístas, buscando aumentar as sensações agradáveis e diminuir as desagradáveis.

(E) preferem um comportamento que parece solidário, mas que na verdade concretiza uma intenção de agredir outros indivíduos.


QUESTÃO 09
FAMEMA 2018: “Os ratos seriam motivados pelas sensações desagradáveis que sentem” (2º parágrafo)

Assinale a alternativa que expressa, na voz ativa, o conteúdo dessa oração.

(A) As sensações desagradáveis que sentem motivam os ratos.

(B) As sensações desagradáveis que sentem motivariam os ratos.

(C) As sensações desagradáveis que sentem motivaram aos ratos.

(D) Os ratos são motivados pelas sensações desagradáveis que sentem.

(E) Os ratos teriam sido motivados pelas sensações desagradáveis que sentem.


QUESTÃO 10
FAMEMA 2018: Assinale a alternativa em que a oração subordinada indica uma finalidade.

(A) Mesmo que tivesse dado dinheiro ao mendigo, não teria evitado as sensações desagradáveis que sua presença me provocava.

(B) Dei dinheiro ao mendigo porque isso evitaria as sensações desagradáveis que sua presença me provocava.

(C) Assim que dei dinheiro ao mendigo, evitei as sensações desagradáveis que sua presença me provocava.

(D) Caso tivesse dado dinheiro ao mendigo, teria evitado as sensações desagradáveis que sua presença me provocava.

(E) Dei dinheiro ao mendigo para evitar as sensações desagradáveis que sua presença me provocava.


QUESTÃO 11
FAMEMA 2018: No início de determinado dia, um laboratório dispõe de várias seringas descartáveis para uso. Ao término desse dia, a razão entre o número de seringas não utilizadas e o de utilizadas era .

Se 15 das seringas utilizadas não tivessem sido usadas nesse dia, a razão entre o número de seringas não utilizadas e o de utilizadas teria sido .

O número de seringas descartáveis disponíveis no início desse dia era

(A) 220.
(B) 180.
(C) 190.
(D) 200.
(E) 210.


QUESTÃO 12
FAMEMA 2018: Três tubos de ensaio, com rótulos A, B e C, serão colocados em um suporte que possui cinco lugares alinhados e encontra-se fixado em uma parede.

A figura mostra uma das possíveis disposições dos tubos.

A figura mostra uma das possíveis disposições dos tubos

Sabendo que o tubo com o rótulo A não pode ocupar as extremidades do suporte, o número de maneiras distintas de esses tubos serem colocados nesse suporte é

(A) 12.
(B) 24.
(C) 36.
(D) 18.
(E) 30.


QUESTÃO 13
FAMEMA 2018: Em um curso para profissionais da saúde, há 25 alunos, dos quais 16 são mulheres. 

Entre as mulheres, 12 têm curso de especialização e, entre os homens, 8 têm curso de especialização. 

Sorteando-se aleatoriamente dois alunos desse curso, a probabilidade de eles serem de sexos diferentes e pelo menos um deles ter curso de especialização é



QUESTÃO 14
FAMEMA 2018: Considere as matrizes A = (aij)2×3, com  e  sendo m um número real. Sabendo que C = A · B, então det C é igual a

(A) 0.
(B) –12.
(C) –8.
(D) 6.
(E) –4.


QUESTÃO 15
FAMEMA 2018: Em um plano cartesiano, o ponto C (2, 3) é o centro de uma circunferência de raio √2. O ponto P, de ordenada 4, pertence à circunferência, e a reta r, que passa pelos pontos P e C, intersecta os eixos coordenados nos pontos R e S, conforme mostra a figura.

Gráfico

Sabendo que o segmento  está contido no 1º quadrante, a distância entre os pontos R e S é

(A) 2√2
(B) 3√2
(C) 4√5
(D) 5√2
(E) 5√5


QUESTÃO 16
FAMEMA 2018: Os gráficos das funções f(x) = 1 + 2⁽ˣ⁻ᵏ⁾ e g(x) = 2x + b, com k e b números reais, se intersectam no ponto (3, 5).

Sabendo que k e b são as raízes de uma função do 2° grau, a abscissa do vértice do gráfico dessa função é



QUESTÃO 17
FAMEMA 2018: Considere o quadrado ABCD, de lado 4 cm, e o retângulo EFGH, com EF = 2 cm, CF = 1 cm e os pontos B, G, C e F alinhados, conforme mostra a figura.

FAMEMA 2018: Considere o quadrado ABCD, de lado 4 cm, e o retângulo EFGH, com EF = 2 cm, CF = 1 cm e os pontos B, G, C e F alinhados, conforme mostra a figura.

Sabendo que G é ponto médio do lado  que o ponto K pertence ao lado  e que os pontos A, K e F estão alinhados, a área do quadrilátero FGHK é

(A) 3,5 cm².
(B) 4,0 cm².
(C) 4,5 cm².
(D) 3,0 cm².
(E) 2,5 cm².


QUESTÃO 18
FAMEMA 2018: A figura mostra um quadrado ABCD, com 6 cm de lado, e um triângulo retângulo ABF de hipotenusa  , com o ponto F no prolongamento do lado  e o ponto E sendo a intersecção dos segmentos  e 


Sabendo que o ângulo FÂB mede 60º, a medida do segmento  é

(A) (√3 + 3) cm.
(B) (2√3 + 3) cm.
(C) 2(3 + √3) cm.
(D) 2√3 cm.
(E) 2(3 - √3) cm.


QUESTÃO 19
FAMEMA 2018: A medida da aresta da base quadrada de um prisma reto é igual à medida do diâmetro da base de um cone reto. A altura do prisma é 5,5 cm maior que a altura do cone e o volume do cone é  do volume do prisma. Considerando π = 3,1, é correto afirmar que a altura do prisma é

(A) 13,5 cm.
(B) 18,0 cm.
(C) 8,5 cm.
(D) 10,0 cm.
(E) 15,5 cm.


QUESTÃO 20
FAMEMA 2018: Durante o ano letivo, um estudante fez seis simulados preparatórios para o vestibular e obteve notas diferentes em cada um deles. Sabendo que a média das seis notas foi 6,5 e que a média das três maiores notas foi 8,0, é correto afirmar que a média das três menores notas foi

(A) 4,5.
(B) 5,0.
(C) 3,5.
(D) 4,0.
(E) 5,5.


QUESTÃO 21
FAMEMA 2018: A ordem geopolítica do pós-Segunda Guerra Mundial articulou a bipolarização do poder entre

(A) Alemanha Ocidental e Alemanha Oriental, com a instituição do Muro de Berlim.

(B) Rússia e China, com a instituição do protecionismo econômico.

(C) Estados Unidos e União Soviética, com a chamada Guerra Fria.

(D) Coreia do Norte e Coreia do Sul, com a deflagração da Guerra da Coreia.

(E) Estados Unidos e Reino Unido, com a proclamada Guerra ao Terror.


QUESTÃO 22
FAMEMA 2018: A concentração fundiária, a mecanização do campo e a facilidade de acesso aos serviços sociais nas cidades brasileiras explicam

(A) a desmetropolização.
(B) o êxodo urbano.
(C) a transição demográfica.
(D) o êxodo rural.
(E) a conurbação.


QUESTÃO 23
Macro-ordenamento territorial
dos espaços agronaturais do Brasil

Tabela

FAMEMA 2018: Analisando a tabela e considerando conhecimentos acerca do meio ambiente no território brasileiro, pode-se afirmar que os números 1, 2 e 3 correspondem, respectivamente,

(A) à Floresta Amazônica, à desertificação e aos fragmentos de floresta natural.

(B) ao Pantanal, à recuperação de solos e ao relevo de serras e morros.

(C) ao Pantanal, à desertificação e aos tabuleiros costeiros.

(D) à Floresta Amazônica, à recuperação de solos e ao clima subtropical.

(E) aos Campos, à erosão de solos e ao relevo de serras e morros.


QUESTÃO 24
Observe o mapa.

Cinturão Solar

FAMEMA 2018: O Atlas Brasileiro de Energia Solar recomenda investimentos em novas plantas de geração de energia solar no sudoeste de Minas Gerais, no noroeste de São Paulo e no norte do Paraná, embora elevados níveis de irradiação sejam encontrados no Nordeste do país. Essa aparente contradição é refutada por haver

(A) baixa demanda por energia elétrica nas regiões que contemplam a parcela meridional do país.

(B) menor segurança energética nas áreas em que se concentra a produção industrial brasileira.

(C) maior facilidade de conexão com a rede de transmissão de energia nas regiões recomendadas.

(D) grande oferta de energia não renovável na região Nordeste, o que elimina a concorrência de outras fontes.

(E) elevada nebulosidade sobre a região Nordeste capaz de provocar instabilidades na transmissão de energia.


QUESTÃO 25
FAMEMA 2018: Para determinar ______________ no mar, basta sair do porto com um relógio que não se desacerte e, ao meio-dia local, determinar a hora no porto de partida. Com a ajuda das tábuas de navegar que têm as horas do meio-dia no porto de partida, para todos os dias do ano, os pilotos podem calcular a diferença horária entre o meio-dia solar do ponto em que estão e o do porto de partida. Por cada hora de diferença horária, estão mais ou menos 15 graus para leste ou oeste em relação ao porto de partida.
(www.cienciaviva.pt. Adaptado.)

Assinale a alternativa que preenche corretamente a lacuna do texto.

(A) os paralelos
(B) a longitude
(C) os meridianos
(D) a equidistância
(E) a latitude


QUESTÃO 26
FAMEMA 2018: Ibn al-Khatib, médico e filósofo muçulmano de Granada, escreveu sobre a Peste Negra no século XIV: “A existência do contágio é estabelecida pela experiência, investigação, evidência dos sentidos e relatos dignos de fé.

O fenômeno do contágio torna-se claro para o investigador que verifica como aquele que entra em contato com os enfermos apanha a doença, enquanto o que não está em contato permanece são, e como a transmissão se efetua através do vestuário, vasilhame e atavios.”
(Maria Guadalupe Pedrero-Sánchez. A Península Ibérica entre o Oriente e o Ocidente, 2002. Adaptado.)

Esse comentário sobre a epidemia revela

(A) o predomínio de superstições típicas da mentalidade medieval.

(B) a oposição entre estudos teóricos e investigação científica.

(C) a importância da religião na explicação das causas do fenômeno.

(D) as bases do método científico desenvolvido no mundo islâmico.

(E) os vínculos entre ciência e fé na realização de experiências.


QUESTÃO 27
FAMEMA 2018: Havia muito capital e muita riqueza entre os lavradores de cana, alguns ligados por laços de sangue ou matrimônio aos senhores de engenho. Havia também um bom número de mulheres, não raro viúvas, participando da economia açucareira. Digno de nota até o fim do século XVIII, contudo, era o fato de os lavradores de cana serem quase invariavelmente brancos. Os negros e mulatos livres simplesmente não dispunham de créditos ou capital para assumir os encargos desse tipo de agricultura.
(Stuart Schwartz. “O Nordeste açucareiro no Brasil Colonial”.
In: João Luis R. Fragoso e Maria de Fátima Gouvêa (orgs).
O Brasil Colonial, vol 2, 2014.)

O excerto indica que a sociedade colonial açucareira foi

(A) organizada em classes, cuja posição dependia de bens móveis.

(B) apoiada no trabalho escravo, principalmente o dos lavradores de cana.

(C) baseada na “limpeza de sangue”, portanto se proibia a miscigenação.

(D) determinada pelos recursos financeiros, o que impedia a mobilidade.

(E) hierarquizada por critérios diversos, tais como a etnia e riqueza.


QUESTÃO 28
FAMEMA 2018: No século XIX, o movimento mais amplo é a Revolução Industrial, cuja força-motora é a Grã-Bretanha, que passa a ocupar, sem o menor esforço, o lugar da Espanha e de Portugal na América do Sul, tanto para escoar seus produtos industriais como para controlar os circuitos comerciais.

Os novos Estados endividam-se para comprar as maravilhas da indústria inglesa e os ingleses contentam-se em fazer negócios. Em Cuba, as companhias norte-americanas apropriam-se das terras açucareiras. Pouco depois, as planícies da América Central são atacadas: está nascendo o império bananeiro, controlado por Boston.
(Marc Ferro. Histórias das colonizações, 1996. Adaptado.)

O excerto alude

(A) à crise da política colonialista de Portugal e Espanha, marcada pelo liberalismo, diante do triunfo de práticas mercantilistas.

(B) ao pioneirismo industrial da Grã-Bretanha e dos Estados Unidos, financiado pelos lucros do monopólio sobre suas colônias sul-americanas.

(C) ao imperialismo britânico e estadunidense na América Latina, baseado nas relações mercantis e na intervenção militar.

(D) à política de boa vizinhança estadunidense, responsável por sua hegemonia econômica na América Latina em prejuízo dos países ibéricos.

(E) ao processo de emancipação das Américas Espanhola e Portuguesa, com a intervenção militar britânica e estadunidense no continente.


QUESTÃO 29
FAMEMA 2018: Observe a charge sobre o Tratado de Versalhes.

Versailles Treaty

A charge estabelece uma relação entre

(A) a humilhação da Alemanha após a Primeira Guerra e a ascensão do nazismo.

(B) o grande poderio bélico da Alemanha e suas conquistas durante a Primeira Guerra.

(C) a derrocada da Alemanha nazista e a condenação dos crimes da Segunda Guerra.

(D) a paz sem vencedores da Segunda Guerra e o crescimento do partido nazista.

(E) o auge do Império Alemão após a Guerra Franco-Prussiana e a crise partidária no país.


QUESTÃO 30
A tragédia dos últimos meses do governo Goulart residiu na tendência cada vez mais acentuada de se descartar a via democrática para a solução da crise. A direita ganhou os conservadores moderados, sobretudo amplos setores da classe média, para sua perspectiva de que só uma revolução promoveria a “purificação da democracia”, pondo fim aos perigos do comunismo, à luta de classes, ao poder dos sindicatos e à corrupção.

Na esquerda, a então chamada democracia formal era vista apenas como um instrumento que ia se tornando inútil, ao aproximar-se a tomada do poder.
(Boris Fausto. “A vida política”. In: Angela de Castro Gomes (org).
Olhando para dentro: 1930-1964, vol 4, 2013. Adaptado.)

FAMEMA 2018: Essa interpretação do historiador sobre o final do governo de João Goulart (1961-1964) remete

(A) aos interesses dos comunistas na manutenção da democracia, que justificaram a derrubada do presidente.

(B) às ambiguidades do populismo, que permitiram uma sólida aliança entre partidos comunistas e ultradireitistas.

(C) aos reflexos da Revolução Cubana, que levaram ao alinhamento político do Brasil com o bloco socialista.

(D) às tensões políticas internas e seus vínculos com a Guerra Fria, que estimularam os discursos anticomunistas.

(E) aos problemas econômicos do país, que justificaram a tomada do poder pela classe média nacionalista.


Leia o texto para responder às questões de 31 a 35.

Drinking coffee could help you live longer

Coffee not only helps you feel full of beans, it might add years to your life as well, two major studies have shown. Scientists in Europe and the US have uncovered the clearest evidence yet that drinking coffee reduces the risk of death.

One study of more than half a million people from 10 European countries found that men who downed at least three cups of coffee a day were 18% less likely to die from any cause than non-coffee drinkers. Women drinking the same amount benefited less, but still experienced an 8% reduction in mortality over the period measured.

Similar results were reported by American scientists who conducted a separate investigation, recruiting 185855 participants from different ethnic backgrounds. Irrespective of ethnicity, people who drank two to three cups of coffee daily had an 18% reduced risk of death.

Each of the studies, both published in the journal Annals of Internal Medicine, showed no advantage from drinking either caffeinated or decaffeinated coffee. Experts believe the antioxidant plant compounds in coffee rather than caffeine are responsible for the life-extending effect. Previous research has suggested that drinking coffee can reduce the risk of heart disease, diabetes, liver disease, and some cancers.

Dr Marc Gunter, from the International Agency for Research on Cancer, who led the European study with colleagues from Imperial College London, said: “We found that higher coffee consumption was associated with a lower risk of death from any cause and specifically for circulatory diseases and digestive diseases. Importantly, these results were similar across all of the 10 European countries, with variable coffee drinking habits and customs. Our study also offers important insights into the possible mechanisms for the beneficial health effects of coffee.”
(www.huffingtonpost.co.uk, 11.07.2017. Adaptado.)

QUESTÃO 31
FAMEMA 2018: De acordo com o texto,

(A) a cafeína possui um efeito maior sobre a longevidade do que os compostos antioxidantes do café.

(B) o consumo de café pode reduzir o risco de doenças hepáticas.

(C) o café descafeinado não faz mal para quem não pode ingerir cafeína.

(D) o risco de morte diminui cerca de 18% entre as pessoas que bebem de uma a duas xícaras de café por dia, dependendo da etnia.

(E) um estudo realizado anteriormente mostrou que o café é inadequado para consumo humano.


QUESTÃO 32
FAMEMA 2018: The excerpt from the first paragraph “helps you feel full of beans” means that coffee helps to

(A) burn fat.
(B) fortify the DNA.
(C) relieve chronic pain.
(D) improve memory.
(E) increase energy.


QUESTÃO 33
FAMEMA 2018: In the excerpt from the second paragraph “18% less likely to die”, the word in bold can be replaced, without changing the meaning of the sentence, by

(A) favourably.
(B) impossible.
(C) pleasantly.
(D) agreable.
(E) probable.


QUESTÃO 34
FAMEMA 2018: No trecho do segundo parágrafo “Women drinking the same amount benefited less, but still experienced an 8% reduction in mortality”, a palavra em destaque indica uma ideia de

(A) contraste.
(B) inclusão.
(C) negação.
(D) comparação.
(E) alternativa.


QUESTÃO 35
FAMEMA 2018: De acordo com o quinto parágrafo,

(A) o alto consumo de café entre os europeus aumentou o risco de morte nesse grupo.

(B) a pesquisa do Dr. Marc Gunter mostrou que o café pode reduzir o risco de câncer.

(C) o café pode tanto prolongar o tempo de vida das pessoas quanto fazer bem à saúde.

(D) o consumo indiscriminado de café pode aumentar o risco de doenças dos sistemas circulatório e digestório.

(E) os hábitos e costumes relacionados ao consumo de café eram semelhantes nos dez países europeus envolvidos no estudo.


QUESTÃO 36
FAMEMA 2018: A figura representa um satélite geoestacionário em movimento circular e uniforme a uma distância (d) da superfície da Terra.

A trajetória desse satélite está contida no plano equatorial terrestre e seu período de translação é igual ao de rotação da Terra, cerca de 24h.

satélite

Considerando que o raio equatorial da Terra mede R e adotando π = 3, a velocidade orbital desse satélite é de



QUESTÃO 37
FAMEMA 2018: Um raio de luz monocromático propaga-se por um meio A, que apresenta índice de refração absoluto nA = 1, e passa para outro meio B, de índice de refração nB = √2, conforme figura.

Meio A

Considere que o raio incidente forma com a normal à superfície o ângulo de 45º. Nessas condições, o ângulo de desvio (d), indicado na figura, é igual a

(A) 60º.
(B) 30º.
(C) 45º.
(D) 15º.
(E) 90º.


QUESTÃO 38
FAMEMA 2018: A figura representa um instrumento musical de sopro constituído por um tubo de comprimento L, aberto nas duas extremidades.

Ao soprar esse instrumento, estimula-se a vibração do ar, produzindo ondas estacionárias, que se propagam com velocidade (v), dentro desse tubo, conforme a figura.


Considerando essas informações, a frequência do som emitido por esse instrumento será



QUESTÃO 39
FAMEMA 2018: Raios cósmicos constantemente arrancam elétrons das moléculas do ar da atmosfera terrestre. Esses elétrons se movimentam livremente, ficando sujeitos às forças eletrostáticas associadas ao campo elétrico existente na região que envolve a Terra.

Considere que, em determinada região da atmosfera, atue um campo elétrico uniforme de intensidade E = 100 N/C, conforme representado na figura.


Se um elétron de carga 1,6 × 10⁻¹⁹ C e de massa desprezível, sujeito a uma força constante, se movimenta verticalmente para cima nessa região, percorrendo uma distância d = 500 m, a variação de energia potencial elétrica sofrida por ele, nesse trajeto, será de

(A) –1,5 × 10⁻¹⁴ J
(B) –8,0 × 10⁻¹⁵ J
(C) –1,6 × 10⁻¹⁵ J
(D) –9,0 × 10⁻¹⁵ J
(E) –1,2 × 10⁻¹⁴ J


QUESTÃO 40
FAMEMA 2018: A tabela apresenta parte das informações contidas em uma conta de energia elétrica de determinada residência.

FAMEMA 2018: A tabela apresenta parte das informações contidas em uma conta de energia elétrica de determinada residência

Considere que, nessa residência, 8 lâmpadas de 60 W fiquem acessas durante 4 horas por dia, durante um mês de 30 dias.

O valor a ser pago por esse consumo será de

(A) R$ 28,80.
(B) R$ 21,60.
(C) R$ 25,20.
(D) R$ 14,40.
(E) R$ 3,60.


COMENTÁRIOS

DESTAQUE

Nome

administração,4,administração financeira,1,administração orçamentária,1,administração pública,1,ads,24705,advogado,1,agricultura,1,agronomia,1,alberteinstein,19,alfabeto,1,anasem,1,anatomia,1,aocp,142,arquitetura,1,arquitetura e urbanismo,1,arte,7,atividade,254,atividade biologia,8,atividade ciências,61,atividade de português,46,atividade espanhol,17,atividade filosofia,5,atividade física,8,atividade fundamental,35,atividade geografia,6,atividade história,83,atividade inglês,2,atividade literatura,3,atividade matemática,23,atividade quimica,5,atividade sociologia,3,auditor fiscal,1,auditoria,1,autoajuda,1,auxiliar administrativo,2,auxiliar judiciário,1,bem-estar,13,biblioteconomia,2,biografia,1,biologia,59,biomedicina,2,bioquimica,1,blogger,3,bolsafamilia,1,callfrom,1,carnaval,2,cecierj,5,cederj,5,cefetba,40,cefetmg,1,celebridades,2,celpebras,1,cesgranrio,50,cfc,6,ciencias,75,ciências contábeis,17,ciências da saúde,1,ciências econômicas,1,claudiogaleno,1,colunas,10,comercio exterior,1,concurso,231,conhecimento específico,3,conscam,45,conta pra mim,41,contabilidade,8,contabilidade avançada,1,contabilidade de custos,1,contabilidade pública,10,contabilidadedecustos,1,contador,2,coronavirus,8,criminologia,1,cultura,29,curiosidade,5,datas comemorativas,11,declaracoes,6,desenhos,326,design,1,design de interiores,1,design de moda,1,design grafico,1,destaque,4,detran,1,devry,1,dietética,2,direito,30,direito administrativo,8,direito ambiental,2,direito civil,8,direito constitucional,9,direito do trabalho,5,direito eleitoral,1,direito empresarial,7,direito financeiro,1,direito penal,9,direito processual civil,1,direito processual do trabalho,1,direito processual penal,2,direito tributário,7,direitoadministrativo,2,direitocivil,3,direitos humanos,1,duvidas,5,economia,2,educação,54,educação física,7,educação infantil,298,eleicoes,1,enade,58,encceja,24,enem,35,enfermagem,3,engenharia,1,engenharia ambiental,1,engenharia civil,1,engenharia da computação,2,engenharia de alimentos,1,engenharia de produção,2,engenharia eletrica,1,engenharia florestal,1,engenharia mecanica,1,engenharia quimica,1,ensino fundamental,216,escola,1,espanhol,34,espcex,30,espm,6,esportes,1,estatística,1,exame nacional,2,explicacao,41,facid,1,faculdade,30,faculdade dinamica,2,fadip,1,fagoc,2,famema,10,famerp,11,farmacia,1,fasa,9,faseh,1,fatec,111,fcc,107,fei,19,fgv,26,filosofia,18,fiscal de obras e posturas,1,fisica,57,fisioterapia,1,fmo,2,fonoaudiologia,1,formula1,1,fps,35,frances,5,frases,1,fuvest,8,fuvest2018,79,gabaritos,23,gastronomia,1,geografia,65,gestao ambiental,1,gestao comercial,1,gestao de qualidade,1,gestao de recursos humanos,1,gestão financeira,1,gestao hospitalar,1,gestão pública,1,historia,179,ibade,4,ifce,12,iff,1,ifmg,3,ifmt,134,ifpe,66,ifpi,3,ifsul,67,ifto,12,imagens,96,ime,68,informatica,10,inglês,50,insper,52,instituto acesso,138,ita,40,jornalismo,12,legislação,10,legislação penal,1,legislação tributária municipal,13,lendas,18,libras,1,liceu piauiense,1,literatura,23,lixo,12,logística,1,loja,3,mackenzie,12,marketing,1,matematica,102,matemática financeira,1,medicina,18,medicina legal,2,medicina veterinaria,1,meliuz,1,mtc,1,musica,1,natal,2,necropsia,1,nível médio,1,noticias,87,nubank,4,nutrição,3,o que e,2,oab,44,obmep,6,odontologia,2,outros,75,pedagogia,3,piaui,1,pnaic,10,portugues,133,praticapsi,3,priuni,1,processos gerenciais,1,procurador,1,pronatec,3,prouni,5,provas,264,provas albert einstein,4,provas cefetmg,2,provas cfc,5,provas concurso,50,provas enade,29,provas encceja,19,provas enem,5,provas espcex,1,provas espm,3,provas famema,6,provas famerp,6,provas faseh,1,provas fatec,1,provas fei,2,provas fgv,1,provas ifce,2,provas ifmg,3,provas ifpi,1,provas ifsul,9,provas ifto,8,provas ime,1,provas oab,43,provas puc,2,provas pucrj,1,provas santa casa,4,provas uece,3,provas uel,1,provas uerj,2,provas unemat,1,provas unesp,2,provas unicamp,4,provas unichristus,2,provas unifenas,3,provas unifor,3,provas unirg,3,provas upe,4,provas usp,12,provas vestibular,155,psicologia,10,publicidade e propaganda,2,puc-go,67,puc-pr,2,puc-rs,106,puc-sp,63,pucrj,1,questão agronomia,26,questão albert einstein,307,questão alemao,8,questão anasem,60,questão arquitetura e urbanismo,30,questão atualidades,35,questão auxiliar judiciário,48,questão cecierj,64,questão cederj,128,questão cefetmg,120,questão cesgranrio,72,questão cespe,108,questão ciências contábeis,27,questão ciências econômicas,27,questão comercio exterior,27,questão coronavirus,25,questão crespe,96,questão da aocp,50,questão da espcex,300,questão da famema,223,questão da fasa,102,questão da fatec,162,questão da fau,96,questão da fcc,340,questão da fgv,644,questão da fuvest,275,questão da oab,815,questão da obmep,164,questão da puc-pr,103,questão da puc-sp,243,questão da santa casa,200,questão da uece,491,questão da ueg,270,questão da uel,170,questão da uemg,115,questão da uerj,140,questão da unesp,455,questão da unicamp,353,questão da unicentro,155,questão da unirg,179,questão da usp,377,questão de administração,67,questão de administração financeira,6,questão de administração orçamentária,6,questão de administração pública,30,questão de anatomia,20,questão de arte,36,questão de auditoria,5,questão de biologia,764,questão de biomedicina,55,questão de ciências,642,questão de ciências da saúde,20,questão de concurso,3147,questão de conhecimento geral,5,questão de contabilidade,236,questão de criminologia,5,questão de defesa do consumidor,10,questão de dietética,40,questão de direito,500,questão de direito administrativo,110,questão de direito ambiental,18,questão de direito civil,62,questão de direito constitucional,115,questão de direito da pessoa com deficiência,3,questão de direito do trabalho,35,questão de direito eleitoral,5,questão de direito empresarial,36,questão de direito financeiro,28,questão de direito penal,65,questão de direito penal militar,6,questão de direito previdenciario,10,questão de direito processual civil,27,questão de direito processual do trabalho,5,questão de direito processual penal,25,questão de direito tributário,78,questão de direito urbanistico,8,questão de direitos humanos,4,questão de educação física,37,questão de engenharia da computação,47,questão de engenharia de produção,47,questão de espanhol,364,questão de estatistica,24,questão de farmácia,87,questão de filosofia,111,questão de física,921,questão de física médica,30,questão de fisioterapia,57,questão de fonoaudiologia,56,questão de frances,85,questão de geografia,699,questão de história,1299,questão de informática,81,questão de inglês,786,questão de legislação,206,questão de legislação penal,15,questão de legislação tributária,23,questão de literatura,324,questão de matemática,1867,questão de medicina,202,questão de medicina legal,15,questão de medicina veterinária,57,questão de necropsia,20,questão de nutrição,112,questão de odontologia,76,questão de português,2453,questão de processo legislativo,5,questão de psicologia,137,questão de química,809,questão de raciocínio lógico,95,questão de segurança pública,5,questão de serviço social,30,questão de sociologia,86,questão de terapia ocupacional,30,questão de vestibular,12014,questão design,27,questão design de interiores,26,questão design de moda,27,questão design gráfico,25,questão detran,66,questão do cfc,244,questão do enade,1520,questão do encceja,660,questão do enem,555,questão do iff,53,questão do ime,40,questão do ita,187,questão do liceu piauiense,30,questão do mackenzie,302,questão do revalida,90,questão enfermagem,46,questão engenharia ambiental,27,questão engenharia civil,27,questão engenharia de alimentos,27,questão engenharia de controle e automacao,27,questão engenharia eletrica,27,questão engenharia florestal,27,questão engenharia mecânica,27,questão engenharia quimica,27,questão espm,239,questão faculdade dinamica,108,questão fadip,54,questão fagoc,50,questão famerp,500,questão faseh,60,questão fei,210,questão fiscal,40,questão fmo,90,questão funcern,240,questão gastronomia,26,questão gestao comercial,26,questão gestão de qualidade,27,questão gestão de recursos humanos,27,questão gestão financeira,27,questão gestão pública,26,questão iave,60,questão idib,40,questão ieses,100,questão ifce,90,questão ifmg,126,questão ifmt,110,questão ifpi,295,questão ifsul,356,questão ifto,361,questão italiano,8,questão jornalismo,107,questão lógica,5,questão logística,27,questão marketing,27,questão multidisciplinar,35,questão nucepe,46,questão obras e postura,28,questão processo do trabalho,10,questão processo tributario,15,questão processos gerenciais,27,questão publicidade e propaganda,27,questão pucrj,70,questão radiologia,27,questão relações internacionais,27,questão secretariado executivo,27,questão servico social,27,questão slmandic,70,questão técnico agrícola,15,questão tecnologia agronegocio,26,questão tecnologia estética e cosmetica,27,questão tecnologia gestao ambiental,27,questão tecnologia gestao hospitalar,27,questão tecnologia seguranca do trabalho,27,questão teologia,27,questão turismo,27,questão ucb,80,questão udesc,106,questão uema,128,questão uepg,69,questão ufpe,50,questão ufpr,30,questão ufsc,116,questão unemat,77,questão unichristus,148,questão unifaminas,54,questão unifenas,246,questão unifesp,110,questão unifor,194,questão unimontes,3,questão uninassau,90,questão upe,296,questão urologia,15,questão web design,40,questão zootecnia,27,questões,21578,quimica,55,raciocínio lógico,7,radiologia,1,redacao,86,Reflexão In Texto,8,relações internacionais,1,religiao,4,resumo,5,revalida,2,rhinsight,7,santacasa,87,secretariado executivo,1,seguranca do trabalho,1,serviço social,1,sesc,1,sexto ano,1,silabas,18,simulado,2,sisu,2,slmandic,2,sociologia,12,técnico agrícola,1,tecnologia em agronegocio,1,teologia,1,textos,45,textos paradidáticos,1,trechos,1,turismo,1,uber,1,ucb,169,udesc,14,uece,32,ueg,4,uel,180,uema,73,uemg,13,uepg,3,uerj,73,uespi,1,ufam,3,ufc,2,ufes,2,uffs,4,ufg,1,ufgd,63,ufma,1,ufmg,1,ufpa,1,ufpi,2,ufpr,1,ufrgs,1,ufrn,2,ufsc,5,ufscar,1,uftm,188,unb,1,unemat,2,unesp,12,unicamp,13,unicentro,14,unichristus,10,unifaminas,1,unifenas,3,unifesp,12,unifor,6,uninassau,3,uninove,1,unirg,5,unirv,41,upe,17,urbanismo,1,usp,14,vestibular,552,videos,5,vivo,1,zootecnia,1,
ltr
item
INDAGAÇÃO: Prova FAMEMA 2018 com Gabarito e Resolução
Prova FAMEMA 2018 com Gabarito e Resolução
Prova FAMEMA 2018 com Gabarito e Resolução
https://3.bp.blogspot.com/-zH6l4Wdtlt0/XA_RmqcTt8I/AAAAAAACRYk/uIefFkENnzYxj-SoHLR7FK6VLkCMS1cigCLcBGAs/w320-h187/famema2019.jpg
https://3.bp.blogspot.com/-zH6l4Wdtlt0/XA_RmqcTt8I/AAAAAAACRYk/uIefFkENnzYxj-SoHLR7FK6VLkCMS1cigCLcBGAs/s72-w320-c-h187/famema2019.jpg
INDAGAÇÃO
https://www.indagacao.com.br/2020/09/prova-famema-2018-com-gabarito-e-resolucao.html
https://www.indagacao.com.br/
https://www.indagacao.com.br/
https://www.indagacao.com.br/2020/09/prova-famema-2018-com-gabarito-e-resolucao.html
true
3110492279122331237
UTF-8
Todas as Postagens Não foram encontradas postagens VEJA TODOS Leia Mais Resposta Cancelar resposta Deletar Por Home PAGINAS POSTS Veja todos RECOMENDADOS PARA VOCÊ Tudo Sobre ARQUIVOS BUSCAR TODOS OS POSTS Nenhuma postagem foi encontrada Voltar para Home Domingo Segunda Terça Quarta Quinta Sexta Sábado Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto Setembro Outubro Novembro Dezembro Jan Fev Mar Abr Maio Jun Jul Ago Sep Out Nov Dez Agora mesmo 1 minuto atrás $$1$$ minutes ago 1 hora atrás $$1$$ hours ago Ontem $$1$$ days ago $$1$$ weeks ago mais de 5 semanas atrás Seguidores Seguir CONTEÚDO PREMIUM BLOQUEADO PASSO 1: Compartilhar em uma rede social PASSO 2: Clique no link na sua rede social Copiar todo o código Selecionar todo o código Todos os códigos foram copiados Não é possível copiar os códigos / textos, pressione [CTRL] + [C] para copiar Tabela de conteúdo