Atividade de História - A Civilização Romana - 6º ano com Gabarito

atividade-de-historia-civilizacao-romana-6-ano-com-gabarito
Atividade de História - A Civilização Romana - 6º ano com Gabarito

(PUC-Camp) A história de Spartacus representa, na Roma Antiga, a luta dos:

a. Escravos contra o sistema de opressão estabelecido principalmente a partir da expansão romana.

b. Camponeses, que defendiam a aprovação de uma reforma agrária nas terras conquistadas pelos romanos.

c. Patrícios, que reivindicavam a manutenção dos privilégios políticos que tinham no Senado Romano.

d. Cartagineses, que não aceitavam o saque e a pilhagem das suas terras pelo exército romano.

e. Plebeus, que exigiam do Estado cargos públicos e salários justos em troca de fidelidade político.

Resposta.

(Udesc) Assinale a alternativa correta. As lutas que envolveram patrícios e plebeus na Roma Antiga foram motivadas principalmente:

a. Pela exclusividade de participação política dos plebeus no Senado Romano.

b. Pelo interesse dos patrícios em implantar na cidade o voto livre e universal.

c. Pela incapacidade dos plebeus em realizar uma boa administração pública.

d. Pela insistência dos patrícios em promover a paz nas fronteiras do Império.

e. Pelo desejo dos plebeus em assegurar maior igualdade de direitos com os patrícios.

Resposta.

(Fuvest) Cesarismo/cesarista são termos utilizados para caracterizar governantes atuais que, à maneira de Júlio César (de onde vêm os nomes), na Antiga Roma, exercem um poder:

a. Teocrático.
b. Democrático.
c. Aristocrático.
d. Burocrático.
e. Autocrático.

Resposta.

(PUC-Camp) Na Roma Antiga, a expressão "Até tu, Brutus?" foi atribuída a Julio César, que, de acordo com fontes históricas, a teria proferido no momento de seu assassinato, em 44 a.C. Nesse contexto da história de Roma, Julio César tornou-se conhecido porque:

a. Iniciou o processo de expansão romana, desencadeando as chamadas guerras púnicas, por meio das quais Roma se converteu em potência marítima.

b. Criou o primeiro código escrito, denominado Leis das Doze Tábuas, que tratava de assuntos referentes ao Direito Civil e ao Direito Penal.

c. Adquiriu grandes poderes e privilégios especiais, como os títulos de ditador perpétuo e de censor vitalício, suscitando lutas políticas pelo poder, sobretudo no Senado Romano.

d. Contribuiu, com as suas leis abolicionistas, para a crise geral do escravismo romano, que abalou as atividades agrícolas de todo o Império Romano.

e. Propôs à Assembleia Romana o seu projeto de reforma agrária, limitando a ocupação de terras públicas aos cidadão romanos.

Resposta.

(UEPB) Dentre os movimentos sociais que marcaram a República Romana, podemos destacar as lutas entre patrícios e plebeus. Sobre essas lutas, é correto afirmar:

a. A casamento entre patrícios e plebeus não foi permitido, apesar das conquistas do povo romano nas lutas contra os patrícios.

b. Apesar da marginalização política, não havia discriminação entre patrícios e plebeus.

c. Os plebeus conquistaram, em 367 a.C., o direito de participar do consulado com a promulgação de Lei Licínia, que também regulamentou a exploração das terras públicas.

d. Quando um patrício se tornava insolvente, sem condições de pagar dívidas, tinha de se submeter ao nexum. Este foi um dos fatores que causou os conflitos entre plebeus e patrícios.

e. Em 450 a.C., foi publicada a Lei das Doze Tábuas, um dos fundamentos do Direito Romano, que não assegurou a igualdade jurídica entre patrícios e plebeus.


(Ufam) Durante sua primeira fase, os romanos assentavam sua organização política na forma monárquica de poder, mas já ali existia o Senado, uma das instituições políticas mais antigas de Roma. Nesse momento inicial, o Senado:

a. Era formado pelos centuriões, que, nomeados pelo rei, representavam as 100 mais importantes famílias patrícias de Roma.

b. Alcançou notável autonomia, limitando frequentemente o poder régio através do veto, o que ocorria quando dois terços de seus membros se manifestavam contrários às decisões do monarca.

c. Funcionava com uma assembleia aristocrática de assessoramento às deliberações do rei e era constituído pelos mais velhos (seniores), sendo vedada a presença de plebeus.

d. Composto por representações paritárias de patrícios e plebeus, restringiu suas funções à prática legislativa, elaborando o corpus jurídico do Estado Romano.

e. Funcionava como uma espécie de Assembleia de Notáveis, que impunha obediência ao monarca e definia as ações estratégicas do Estado.


(Fuvest) A escravidão na Roma Antiga:

a. Permaneceu praticamente inalterada ao longo dos séculos, mas foi abolida com a introdução do cristianismo.

b. Previa a possibilidade de alforria do escravo apenas no caso da morte de seu proprietário.

c. Era restrita ao meio rural e associada ao trabalho braçal, não ocorrendo em áreas urbanas nem atingindo funções intelectuais ou administrativas.

d. Pressupunha que os escravos eram humanos, e, por isso, era proibida toda forna de castigo físico.

e. Variou ao longo do tempo, mas era determinada por três critérios: nascimento, guerra e direito civil.


(Uece) A história política da Roma Antiga é dividida em três etapas: a Monarquia, a República e o Império. Sobre a participação dos plebeus no Regime Republicano, é correto afirmar:

a. A instalação da República foi um ato revolucionário dos plebeus, que afastaram os patrícios do poder, criando a Assembleia Popular.

b. A criação da Assembleia da plebe resultou da resistência dos plebeus contra o controle do poder político republicano nas mãos dos patrícios.

c. O envolvimento da plebe na "res publica" (coisa pública) romana rompeu com a estrutura social, afastando os patrícios do poder.

d. O controle do poder pelos plebeus, criando leis populares, justificou o apoio dos patrícios à instalação do Império de Júlio César.


MAIS ATIVIDADES DE HISTÓRIA 6º ANOS

A Pré-História e a História
Por que estudar História?
O Povoamento da América
A Mesopotâmia
O Egito
Os Povos do Oriente
A Civilização Grega
Esparta e Atenas
Grécia: legado e declínio
Alexandre, o Grande, e o helenismo
A Civilização Romana
Realeza, república e império
O Império Bizantino
A Independência dos Estados Unidos

(UER) O Primeiro Triunvirato foi um sinal inequívoco da crise vivida pela República Romana. Apenas três homens, Pompeu, César e Crasso, acumularam quase todos os títulos e cargos importantes. O fim dessa aliança, marcado pela morte de Crasso em 53 a.C., representou imediatamente:

a. O aumento da rivalidade entre os dois sobreviventes, César e Pompeu, que resultou em uma violenta guerra civil.

b. O enfraquecimento da influência de César, em virtude do fracasso de sua campanha militar na Gália.

c. O assassinato de César por membros da aristocracia romana dentro do próprio senado.

d. A formação de um novo triunvirato, constituído por Otávio, Marco Antônio e Lépido.

Atividade de História - A Civilização Romana - 6º ano com Gabarito Atividade de História - A Civilização Romana - 6º ano com Gabarito Reviewed by Redação on maio 14, 2018 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.