Atividade de História - Esparta e Atenas - 6º ano com Gabarito

atividade-de-historia-esparta-e-atenas-6-ano-com-gabarito
Atividade de História - Esparta e Atenas - 6º ano com Gabarito

1. (PUC-CAMP) Esparta constitui, em matéria de organização social, a grande exceção na Grécia Antiga, em virtude de sua estrutura oligárquica e militarista. Quanto ao caráter dessa estrutura, pode-se afirmar que:

a. Uma intensa permeabilidade social possibilitava até servos e escravos chegarem à condição de cidadãos.

b. A educação visava ao desenvolvimento físico e à destreza, indispensável ao soldado, estendia-se a todas as categorias sócias.

c. Uma minoria social – os hilotas – detinha o usufruto das terras agrícolas e recebia uma educação destinada a formar bons soldados.

d.   O  grupo menos numeroso da sociedade detinha os privilégios sociopolíticos e integrava o exército da cidade-estado dos 20 aos 60 anos.

e. Os periecos, descendentes dos primitivos habitantes, controlavam todos os órgãos do poder e deveriam procriar para fortalecer as fileiras dos exércitos.

Resposta.

2. (FGV) A Guerra do Peloponeso, ocorrida na Grécia entre 431 e 404 a.C., foi:

a. Uma guerra defensiva empreendida pelos gregos contra a invasão dos persas e a ameaça de perda de suas principais praças de comércio do Mar Mediterrâneo.

b. Uma luta entre dórios e aqueus na época da ocupação do território grego que resultou na formação das cidades de Esparta e Atenas.

c.  Uma luta comandada pelas cidades de Esparta e Corinto contra a hegemonia da Confederação de Delos – liderada por Atenas – sobre o território grego.

d. Uma guerra entre gregos e romanos pelo desejo de implantação de uma cultura hegemônica sobre os povos do Oriente Próximo.

e. Uma invasão do território grego pelas tropas de Alexandre – O Grande na época de expansão do Império Macedônico, que herdara de seu pai.

Resposta.

3. (UFSCar) “E muitos a Atenas, para a pátria de geração divina, reconduzi, vendidos que foram – uma injustamente, o outro justamente; e outros por imperiosas obrigações exilados e que nem mais a língua ática falavam, de tantos lugares por  que tinham errado; e outros que aqui mesmo escravidão vergonhosa levavam, apavorados diante dos caprichos dos senhores, livres estabeleci.”

O texto, um fragmento de um poema de Sólon – arconte ateniense, 594 a. C.-, citado por Aristóteles em A Constituição de Atenas, refere-se:

a.  Ao fim da tirania.
b. À lei que permitia ao injustiçado solicitar reparações.
c.  À criação da lei que punia aqueles que conspiravam contra a democracia.
d. À abolição da escravidão por dívida.
e. À instituição da Bulé.

Resposta.

4. (FGV) “Representando pequeno numero em relação à outras classes, eles estavam constantemente preparados para enfrentar quaisquer revoltas, daí a total dedicação à arte militar. A agricultura, o comércio e o artesanato eram considerados indignos para  o (...), que, desde cedo, se dedicava às armas .  Aos 7 anos, deixava a família, sendo educado pelo Estado, que procurava fazer dele um bom guerreiro, ensinando-lhe a lutar, a manejar armas e a suportar as fadigas e a dor. Sua educação intelectual era bastante simples (...). Aos 20 anos, o (...) entrava para o serviço militar, que só deixaria aos 60, passando a viver no acampamento, treinando constantemente para as coisas da guerra (...). Apesar de ser obrigatório o casamento após os 30 anos, sua função era simplesmente a de fornecer mais soldados para o Estado.”

A transcrição anterior refere-se aos cidadãos que habitavam:

a. Atenas.
b. Creta.
c. Esparta.
d. Chipre. 
e. Roma.

Resposta.

5. (Unifesp) A democracia na Grécia Antiga esteve intimamente ligadas:

a. Ao período homérico (séculos XII a VIII a.C.), ao trabalho servil, às lutas entre grandes e pequenos proprietários de terras e ao voto censitário.

b. Ao período arcaico (séculos VIII a VI a.C.), ao trabalho livre, à pacificação do conflito entre as classes e ao sufrágio universal.

c. Ao período clássico (séculos V e IV a.C.), ao trabalho escravo, às lutas entre os cidadãos ricos e pobres e ao voto direto.

d.  Ao período helenístico (séculos III e II a. C.), ao trabalho livre, à pacificação dos conflitos entre os cidadãos e ao voto por sorteio.

e. A todos os períodos (séculos XII a III a.C.), ao trabalho escravo, à desigualdade entre os cidadãos e à eleição de representantes.

Resposta.

6. (FEI) Atenas foi considerada o berço do regime democrático no mundo antigo. Sobre o regime democrático ateniense, é correto afirmar que:

a. Era baseado na eleição de representantes para as Assembleias Legislativas, que se reuniam uma vez por ano na Ágora e deliberavam sobre os mais variados assuntos.

b. Apenas os homens livres eram considerados cidadãos e participavam diretamente das decisões tomadas na cidade-estado.

c. Os estrangeiros e as mulheres maiores de 21 anos podiam participar livremente das decisões tomadas nas assembleias da cidade-estado.

d. Era erroneamente chamado de democrático, pois negava a existência de representantes eleitos pelo povo.

e. A inexistência de escravos em Atenas levava a uma participação quase total da população da cidade-estado na política.

Resposta.

7. (FGV) A Guerra do Peloponeso (431 a.C. – 404 a. C.), que teve importância fundamental na evolução histórica da Grécia Antiga, resultou, entre outros fatores, de:

a. Um confronto econômico entre as cidades que formavam a Confederação de Delos.
b. Um esforço da Pérsia para acabar com a Influência grega na Ásia Menor.
c. Um conflito entre duas ideologias: Esparta, oligárquica, e Atenas, democrática.
d. Uma manobra de Esparta para aumentar a sua hegemonia marítima no mar Egeu.
e. Uma tentativa de Atenas para fracionar a Grécia em diversas cidades-Estado.

Resposta.

8. (Uece) A respeito da Liga de Delos, que seria a base do imperialismo ateniense, podemos dizer corretamente:

a. Decorreu da aliança de cidades gregas e persas contra a expansão macedônica.

b. Pretendia libertar algumas cidades gregas, liberadas pela cidade de Delos, da dominação espartana.

c. Surgiu de um processo de sujeição ou de domínio exercido por Atenas sobre as demais cidades da Liga.

d. Definia-se, de início, como uma aliança militar, que previa autonomia para seus participantes, reservando à Atenas o comando das operações.

e. Mesmo sendo liderada por Atenas, Esparta apresentava grande influência sobre ela.

Resposta.

MAIS ATIVIDADES DE HISTÓRIA 6º ANOS

A Pré-História e a História
Por que estudar História?
O Povoamento da América
A Mesopotâmia
O Egito
Os Povos do Oriente
A Civilização Grega
Esparta e Atenas
Grécia: legado e declínio
Alexandre, o Grande, e o helenismo
A Civilização Romana
Realeza, república e império
O Império Bizantino
A Independência dos Estados Unidos

9. (Mackenzie) Acerca da participação política na Grécia Antiga, é correto afirmar que:

a. Em Esparta, espartíatas, mulheres e periecos escolhiam membros da Gerúsia.

b. Em Atenas, eupátridas, mulheres, demiurgos e metecos escolhiam seus representantes na Assembleia Popular.

c. Em Esparta, espartíatas, hilotas e periecos escolhiam os membros da Ápela.

d. Em Atenas, apenas os cidadãos participavam da Assembleia Popular.

e. Em Atenas, todos os habitantes da cidade, exceto os escravos, participavam da Assembleia Popular.

Resposta.
Atividade de História - Esparta e Atenas - 6º ano com Gabarito Atividade de História - Esparta e Atenas - 6º ano com Gabarito Reviewed by Redação on maio 08, 2018 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.